Senegal sagrou-se pela primeira vez campeão africano

CAN

Senegal sagra-se pela primeira vez campeão africano, ao bater o Egito, comandado pelo português Carlos Queiroz, por 4-2 nas penalidades, depois do nulo na final da Taça das Nações Africanas (CAN) 2021.

Em Yaoundé, após o 0-0 empatar e prolongamento, Abdelmonem, que acertou a baliza senegalesa, e Lasheen, que permitiu a defesa de Mendy, falharam dois castigos para os egípcios, enquanto Sadio Mané converteu o castigo decisivo, após goleiro Gabasky ter defendido o chute de Bouna Sarr.

O grupo senegalês sucedeu a Argélia na história ao se impor aos egípcios, que conquistaram o recorde da oposição, com sete, em 1957, 1959, 1986, 1998, 2006, 2008 e 2010.

O Senegal, que teve o melhor histórico de estar nas finais em 2002 e 2019, tornou-se o décimo quarto país a vencer o CAN.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.